Quinta, 26 de Janeiro de 2023
23°

Tempo limpo

Osasco, SP

Especiais Black Friday

Dicas para aproveitar a Black Friday 2022

O Oeste 360 dá 10 dicas para você poder aproveitar a Black Friday da melhor forma.

03/11/2022 às 00h13 Atualizada em 03/11/2022 às 00h17
Por: Victor Del Porto
Compartilhe:
A Black Friday no Brasil já está consolidada (Foto: Reprodução/Wizard)
A Black Friday no Brasil já está consolidada (Foto: Reprodução/Wizard)

Como todos os anos, a última sexta-feira do mês de novembro está reservada no calendário para a Black Friday, um dia reservado para promoções potencialmente melhores de produtos e serviços. A data surgiu nos Estados Unidos e acontece sempre após o feriado do Dia de Ação de Graças norte-americano.

A primeira Black Friday brasileira aconteceu em 2010. Desde então, conquistou o público, por conta das promoções disponíveis, e o comércio, por conta do fluxo de vendas e arrecadação. Para se ter uma ideia, em 2021 foram movimentados R$ 5,4 bilhões considerando apenas as vendas online (e-commerce).

Este ano a Black Friday será dia 25 de novembro. Para que você possa aproveitar a Black Friday, o Oeste 360 fez uma lista com 10 dicas importantes para você já se preparar para aproveitar as promoções, não perder as oportunidades e não cair em golpes.

 

1 – Faça uma lista

É natural que, devido a visibilidade que a Black Friday ganhou ao longo dos anos, boas promoções dos mais diferentes tipos de produtos e serviços serão feitas e podem acabar rapidamente. Por isso, é importante pensar nos itens que você mais quer e fazer uma lista para, durante a Black Friday, poder aproveitar as oportunidades que surgirem assim que possível.

 

2 – Pesquisar preços antecipadamente

Um ponto importante e que costuma gerar polêmica é se a promoção é real. As redes sociais já apelidaram essas situações de Black Fraude ou usaram o lema “Tudo pela metade do dobro”. Todos os anos há relatos de sites que aumentam o valor de produtos dias ou semanas antes para, no dia da Black Friday, reduzir o preço para o valor normal e anunciar como sendo promoção. Ou, simplesmente, os sites mantêm o mesmo preço mas anunciam que o valor anterior era muito acima do valor promocional (dando a falsa impressão de desconto). As práticas são consideradas propagandas enganosas e devem ser denunciadas no site do Procon do seu estado ou no site Consumidor.gov.br.

Para reduzir a chance de ser enganado e saber se realmente o valor do produto é promocional, sugerimos que use sites de pesquisa e comparação de preços, como Zoom e Buscapé. Além de compararem preços no momento, estes sites apresentam um histórico de dias, semanas e meses dos valores dos produtos. Ou, se preferir, acompanhe o valor do produto ou serviço que deseja acessando o site da loja/prestador periodicamente até a Black Friday.

 

3 – Sites Falsos

Um outro risco para os clientes são os sites falsos. Geralmente este golpe acontece a partir da criação de sites parecidos com os sites oficiais de grandes lojas (como Americanas, Casas Bahia, Magazine Luiza, Submarino, entre outros) e, também, com sites completamente desconhecidos. Fique atento quando as promoções são muito convidativas, porque elas podem ser uma fraude, com a possibilidade de você não receber o produto desejado, perder dinheiro e, ainda, ter seus dados pessoais utilizados para outros fins (como clonagem de cartão). Uma solução é acessar o site oficial da loja para verificar se a oferta é real, usar os sites de pesquisa e comparação de preço Zoom e Buscapé para saber se a oferta aparece ou acessar sites como o Reclame Aqui para saber a reputação da loja.

 

4 – Cashback

Uma outra prática que alguns sites permitem e algumas empresas oferecem hoje para atrair clientes é oferecer Cashback (dinheiro de volta, em tradução literal). Ou seja, ao comprar um produto, você recebe parte do valor de volta, o que pode gerar uma economia na sua compra ainda maior. O Ame Digital, o Banco Inter e a Meliuz são empresas que oferecem a possibilidade de cashback. É importante verificar qual a forma correta para poder usar e/ou ativar o cashback, além das regras e prazos para você receber parte do valor de sua compra de volta. Por exemplo, os sites que retornam dinheiro via Ame exibem o valor de cashback na página do produto: já o Banco Inter e a Meliuz exibem a porcentagem de retorno em seus próprios sites/aplicativos, exigindo que a compra seja feita por um link ativado a partir deles para você receber o valor de volta. De forma geral, o cashback não estará disponível para você utilizar para outras finalidades logo após efetuar a compra: dependendo da ferramenta utilizada, o prazo pode ser de 90 dias.

 

5 – Método de pagamento

Hoje é normal haver diferença de preços em compras online dependendo do método de pagamento (PIX, boleto, transferência bancária, cartão de crédito, cartão de débito, à vista ou com parcelamento). Porém, na Black Friday, é necessário redobrar a atenção quanto ao método de pagamento. Alguns produtos podem ter o preço promocional somente via pagamento à vista por PIX, por exemplo. Isso é importante para evitar surpresas desagradáveis na hora de fechar o pedido.

Uma outra dica importante é com relação ao Boleto: alguns sites durante a Black Friday, como o Kabum, costumam gerar boletos com data de validade para o mesmo dia da compra. Na nossa avaliação, a ação é feita para desestimular clientes que geram boletos de diferentes produtos para, somente depois, escolher os que realmente vão adquirir (o que pode gerar um grande número de compras canceladas por não pagamento e impedir que outros clientes realmente interessados pelo produto possam comprá-lo).

 

6 – Preço do Frete

Uma outra reclamação que costuma ser feita durante a Black Friday é com relação ao valor do frete da compra. Alguns sites colocam produtos em promoção, porém o valor do frete fica mais alto do que costuma ser. A prática costuma ser considerada como maquiagem do preço do produto: o valor do frete elevado cobre o valor do produto, ou seja, não há efetiva promoção ou na porcentagem indicada. O cliente pode denunciar a ação no site do Procon do seu estado ou no site Consumidor.gov.br.

Além disso vale lembrar que o volume de vendas aumenta drasticamente neste período. Assim, a previsão de entrega de sua compra pode aumentar.

 

7 – Quantidade de produtos

Alguns sites, como o Kabum, exibem a quantidade de produtos que estão disponíveis para comprar em valor promocional. Fique atento no momento de fechamento do pedido. Verifique se o valor condiz com o anunciado na página do produto. Se não estiver de acordo, pode ser que a quantidade promocional já tenha acabado. Dessa forma, você evita fechar a compra com valor não promocional.

 

8 – Cadastro no site

Assim como no item 7, alguns produtos com valores promocionais costumam ser muito concorridos. Assim, além de visualizar a oferta, é necessário que o cliente feche rapidamente a compra para evitar perder a oportunidade. Dessa forma, mantenha os dados de seu cadastro no site atualizados para a Black Friday, incluindo endereço e dados do cartão de crédito, por exemplo. Assim, na hora de fechar o pedido, você poderá fazê-lo mais rápido com mais chance de garantir o produto desejado.

 

9 – Fique de olho em Fóruns e Lives

Muitos produtos aparecem em sites de pesquisa e comparação de preços, como os já citados Zoom e Buscapé, bem como o Google. Porém, por vezes, alguns sites confiáveis ou determinados produtos não aparecem na primeira página nestes mecanismos de busca ou, simplesmente, não aparecem. Assim, um meio de se manter bem informado para boas promoções é estar em fóruns ou canais de Youtube especializados. Como exemplo, sugerimos o fórum Adrenaline para itens de tecnologia. No caso do Youtube, grandes lojas costumam fazer lives durante a Black Friday revelando algumas de suas promoções. Mas também há influencers que fazem lives mostrando promoções dos mais variados produtos em diversos sites, como é o caso do canal Gesiel Taveira, especializado em smartphones.

 

10 – Mês da Black Friday e Cyber Monday

Com o alto fluxo de vendas na Black Friday, algumas lojas optaram por expandir a ideia do dia para o mês todo, como é o caso da Americanas e da Magazine Luiza. Ainda assim, de forma geral, a possibilidade de ter outras e melhores promoções continua sendo no dia mesmo (em alguns casos, já nas horas que antecedem o dia da Black Friday). Para aqueles que gostam de itens de informática, a Black Friday já costuma ter boas promoções. Porém, caso você perca alguma oferta ou algum produto que você queira não tenha entrado em promoção, aguarde a Cyber Monday, que acontece na segunda-feira seguinte a Black Friday (este ano, 28 de novembro). A Cyber Monday é, basicamente, uma Black Friday focada em itens de informática: uma nova oportunidade (e esperança) em garantir o produto por um preço menor.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Victor Del Porto
Victor Del Porto
Sobre Meu nome é Victor Del Porto Gomes da Silva, tenho 29 anos e sou de São Paulo, Capital. Sou fã de automobilismo desde criança, principalmente Formula 1. Desde 2012, sou piloto de automobilismo virtual (uma categoria de eSports, campeonatos de jogos eletrônicos). Sou formado nos cursos técnicos de Informática e Comunicação Visual e estou no 7º semestre do Bacharelado em Jornalismo.
Osasco, SP Atualizado às 18h36 - Fonte: ClimaTempo
23°
Tempo limpo

Mín. 17° Máx. 29°

Sex 29°C 16°C
Sáb 27°C 18°C
Dom 28°C 19°C
Seg 23°C 19°C
Ter 23°C 19°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Enquete