Sábado, 13 de Julho de 2024
15°

Tempo nublado

Osasco, SP

Cidades São Paulo sem Água

Moradores reclamam da falta de água à noite em São Paulo

Mesmo após meses com chuvas regulares, Sabesp foi alvo de 129 reclamações de janeiro a março. Empresa diz que sistema de "redução da pressão" nas tubulações é adotado internacionalmente

10/05/2022 às 15h48
Por: Iamara Caroline
Compartilhe:

 

Sabesp reduz pressão da água e torneiras secam em diversos pontos da cidade de São Paulo. Foto:Reprodução

Moradores de diversas regiões de São Paulo reclamam de torneiras secas no final do dia. Dados obtidos pelo Estadão via Lei de Acesso à Informação apontam que a Companhia de Saneamento Básico do Estado (Sabesp) teve no primeiro trimestre deste ano o maior número de reclamações relacionadas ao abastecimento de água. A última vez em que a companhia registrou um número tão grande de queixas foi durante a crise hídrica paulista, entre 2014 e 2016. 

 

Desde aquela crise hídrica, a Sabesp passou a reduzir a pressão na sua rede de tubulação, como forma de evitar desperdícios na rede. No ano passado, a empresa admitiu que iniciou a adotar a manobra mais cedo: a redução da pressão começava a partir das 23 horas e foi adiantada para próximo às 21 horas.  

 

Apesar das chuvas de verão elevarem o nível dos reservatórios, o Sistema Cantareira, responsável pelo abastecimento da Grande São Paulo, tem o menor nível para essa época do ano desde 2016. Nesta terça-feira, 10, está com menos da metade da capacidade: 43,5%.

 

De acordo com a empresa, a estratégia de reduzir a pressão é usada desde os anos 1990 e costuma ter efeitos piores para quem vive na periferia ou em áreas mais altas da cidade. Em nota, a Sabesp diz que os "imóveis com caixa-d'água obrigatória e reservação para ao menos 24 horas não sentem os efeitos de manutenções ou da gestão da pressão".

 

A companhia também não responde às reclamações em portais, como Reclame Aqui. A redução da pressão é encarada na prática como corte para várias famílias. As famílias também se queixam de nunca terem sido formalmente avisadas que, mesmo pagando suas contas em dia, ficariam sem água durante a noite. Principalmente de que não haveria notificação de quando houvesse interrupção do serviço.

 

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Iamara Caroline
Iamara Caroline
Sobre Em um caso de amor pelo jornalismo desde sempre e para sempre. Finalizando o curso pela Unicsul. Escritora nas horas vagas, entusiasta de diferentes idiomas e leitora voraz. Colaboro no Oeste360, F!5, Labdicas Jornalismo, além de outros veículos. Apesar da intimidade com a escrita, também gosto da televisão. Em constante evolução, tenho fé no ser humano, na vida e na educação como agente transformador.
Osasco, SP Atualizado às 15h04 - Fonte: ClimaTempo
15°
Tempo nublado

Mín. 14° Máx. 15°

Dom 25°C 14°C
Seg 22°C 14°C
Ter 22°C 15°C
Qua 25°C 15°C
Qui 26°C 16°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes